Tag: Livros

A imaginação subversiva ao redor do mundo – Imagens, poesias e Contos de protesto na Imprensa Anarquista e Anticlerial (Espanha, Argentina e Brasil, 1897-1936)
Anarquista.Net, Notícias Ativistas

A imaginação subversiva ao redor do mundo – Imagens, poesias e Contos de protesto na Imprensa Anarquista e Anticlerial (Espanha, Argentina e Brasil, 1897-1936)

A presente tese se propõe a desvendar parte do imaginário subversivo divulgado pelas páginas de determinadas publicações da imprensa anarquista e anticlerical espanhola, argentina e brasileira, entre os anos de 1897 a 1936, totalizando catorze publicações distintas. Assim, este estudo também comunga com os pressupostos da chamada história transnacional e demonstra, no seu desenrolar, que as publicações dessa imprensa alternativa, apesar das distâncias geográficas significativas e das dificuldades de manutenção que apresentavam, estavam em constante contato umas com as outras, estabelecendo laços de solidariedade, possibilitando a ampla circulação de artefatos culturais e, consequentemente, a constituição de um imaginário combativo e próprio. Imaginário esse que é forjado e aqui revelad...
Anarquistas – Ética e Antologia de existências – Livro-Pdf
Anarquista.Net, Notícias Ativistas

Anarquistas – Ética e Antologia de existências – Livro-Pdf

Os anarquistas não esperam pelo futuro. Acontecem a cada momento. Realizam experimentações e se apartam de programas. Vivem associados revirando-se e provocando reviravoltas no planeta. Compõem forças atuantes que marcam presenças, não temem ser nocivos, querem inventar uma nova sociedade. Atuam fortalecendo sua utopia. Para eles não há futuro livre e igualitário que não seja vivido aqui e agora. Por isso incomodam inventando costumes liberadores e libertadores. Invenção para o anarquista não é uma palavra oca, um artifício científico, um sinônimo de criação. Inventar é surpreender, romper fronteiras atuando sobre as bordas, é desnudar a camuflagem, apanhar o transvestido de anarquista, fazer rodopiar o agente professoral que associa invenção a mentiras a serem desbaratadas, a...
LIVROS SOBRE ANARQUISMO
Livros sobre Anarquismo, Loja Gambiarra

LIVROS SOBRE ANARQUISMO

Abaixo seguem alguns livros selecionados por nossa equipe para ajuda-lo a conhecer o Anarquismo. Comprando algum deles você estará ajudando o canal a se manter. Muito obrigado. Se tiver alguma sugestão de bibliografia na área, escreva-nos no formulário ao final da página.
LIVROS DE FILOSOFIA
Livros de Filosofia, Loja Gambiarra

LIVROS DE FILOSOFIA

Abaixo seguem alguns livros selecionados por nossa equipe para ajuda-lo a estudar Filosofia em geral. Comprando algum deles você estará ajudando o canal a se manter. Muito obrigado. Se tiver alguma sugestão de bibliografia na área, escreva-nos no formulário ao final da página.
[Reino Unido] Crítica: “Emma Goldman, ‘Mother Earth’ and the Anarchist Awakening”
ANA, Notícias Ativistas

[Reino Unido] Crítica: “Emma Goldman, ‘Mother Earth’ and the Anarchist Awakening”

“Este volume importante e essencial de Rachel Hsu volta às fontes primárias em uma tentativa de permitir que as ideias e ações de Goldman falem por si mesmas.” by Rachel Hui-Chi Hsu Notre Dame: University of Notre Dame Press 2021 ISBN 9780268200299 $45. Crítica por Barry Pateman | Apareceu pela primeira vez na Biblioteca Kate Sharpley através do KSL Spring Bulletin. É difícil não sentir alguma simpatia por Emma Goldman depois de seu tratamento nas mãos de alguns historiadores e escritores. Com muita frequência, eles recortam as ideias dela para “provar” suas teses preconcebidas ou simplesmente falham em reconhecer a complexidade de “Luz e Sombra” na vida dela, sobre a qual Candace Falk escreve no volume três do Emma Goldman Papers (“Documentos de Emma Goldman”...
[França] Lançamento: “Por um projeto libertário anticapitalista” A.N.A.
ANA, Notícias Ativistas

[França] Lançamento: “Por um projeto libertário anticapitalista” A.N.A.

Um livro de Jacques Langlois Apresentação do editor: tendo em vista a posição atual dos partidários do capitalismo neoliberal, este trabalho propõe um projeto libertário de sociedade e uma estratégia de resistência e de aceleração para o desaparecimento do atual sistema. O momento é oportuno porque o sistema neoliberal está sem fôlego e confronta problemas mortais. Este projeto é de inspiração proudhoniana. Propõe-se alguns princípios para conduzir a mudança (compatível com a futura sociedade almejada), além dos exemplos práticos de construção de um contra modelo de ação direta, cooperativa, experimental e federal. A luta será longa e distante do velho espírito das lutas revolucionárias pela tomada do poder do Estado. Mas ela é possível e existe agora a esperança para vencer o sist...
[França] Pierre-Joseph Proudhon: anarquia sem desordem A.N.A.
ANA, Notícias Ativistas

[França] Pierre-Joseph Proudhon: anarquia sem desordem A.N.A.

A maioria de nós tem apenas uma visão abstrata e principalmente negativa da anarquia. Entretanto, a corrente de pensamento defendida por Pierre-Joseph Proudhon esteve na vanguarda dos movimentos de protesto contra a economia liberal no século XIX, antes de desaparecer nas mentes da esquerda em favor do marxismo. É, portanto, uma alternativa ao socialismo marxista que Thibault Isabel, filósofo e historiador das civilizações, se propõe a descobrir. Ser governado é ser mantido em vista, inspecionado, espiado, dirigido, legislado, regulamentado, estacionado, doutrinado, pregado, controlado, estimado, apreciado, censurado, comandado, por seres que não têm título, nem ciência, nem virtude, escreveu Pierre-Joseph Proudhon. A partir destas palavras, entendemos que Proudhon – ao contrário dos segu...
O livro 1 do Charlas y Luchas é sobre Maria A. Soares
ANA, Notícias Ativistas

O livro 1 do Charlas y Luchas é sobre Maria A. Soares

(…) companheiras, apelo para vós, em nome do guturo da Humanidade, para que unidas nos lancemos na luta, procurando eliminar tudo quanto obstrua o caminho que há de conduzir-nos ao futuro ditoso, que tem sido o sonho mais doce da nossa vida. Sim, unamo-nos e não deixemos que progrida esse novo morbus que se introduziu entre nós e teremos assim evitado que amanhã sejam nossas inimigas as que hoje são nossas irmãs. Maria A Soares, A Lanterna, 08 de Outubro de 1914 Muitos temas do feminismo contemporâneo já eram assunto das mulheres anarquistas, que tinham uma atuação proeminente na Primeira República no Brasil, por exemplo. O nome de Maria Lacerda de Moura é o mais conhecido hoje em dia, porém ela não era única a falar de emancipação da mulher e educação, por exemplo. Maria A. Soares também...